terça, 04 de julho de 2017 - 14:24h
Futuros moradores do Macapaba II conhecem seus imóveis
Os beneficiários iniciaram a etapa de vitorias que acontece entre os dias 4 e 7 de julho e antecede a assinatura do contrato de aquisição das unidades
Por: Andreza Teixeira
Foto: Marcelo Loureiro
O futuro morador deve preencher um formulário onde avalia as condições do local. Se observar algo que precisa ser reparado, será realizada a revisão e conserto até a data de entrega do imóvel.

Os titulares das 2.049 famílias contempladas pelas unidades do conjunto habitacional Macapaba II iniciaram a sequência de visitas referentes à etapa de vistoria dos imóveis, que ocorre entre 4 e 7 de julho. O processo é necessário para que os beneficiários conheçam suas futuras moradias e possam conferir se as unidades estão em perfeitas condições. Para tanto, o Governo do Amapá elaborou um cronograma onde está disponível a data e horário das visitas. Ele pode ser visualizado nos prédios da Secretaria de Estado de Inclusão e Mobilização Social (SIMS), do Super Fácil do Centro de Macapá e no portal de notícias do GEA.

A empregada doméstica Rosinete Rocha, 44, não disfarçou a emoção em conhecer seu próprio apartamento. “Eu sempre quis ter o meu cantinho, minha casa própria, mas nunca imaginei que poderia realizar esse sonho. Não consigo expressar o quanto estou feliz”, frisou Rosinete, que vive em uma área de invasão do Canal do Jandiá, zona norte de Macapá, e é mãe de três adolescentes de 11, 15 e 17 anos.

Para realizar a visita, o titular do imóvel deve comparecer ao empreendimento munido de RG e o CPF no horário agendado. A SIMS organizou um espaço de triagem e acolhimento dos beneficiários, além disso, há um local para entretenimento das crianças, enquanto o responsável realiza a vistoria do imóvel.

Durante a etapa, o futuro morador é acompanhado por uma equipe da empresa responsável pela construção. “Ele vai conhecer cada cômodo da casa ou apartamento e preencher um formulário onde avalia as condições do local. Se observar algo que precisa ser reparado, realizaremos revisão e conserto até a data de entrega do imóvel”, explica Luan Ribeiro, assistente técnico da construtora.  

O vendedor Robson Oliveira, 29, é outro beneficiário e realizou a vistoria de seu apartamento acompanhado da mulher, Janaína Silva, 28, e do filho, Davi Lucas, de 1 ano. A família vive de aluguel em uma área de ressaca no bairro dos Congós, zona sul de Macapá, e acredita que o novo lar lhes trará maior qualidade de vida. “Estamos enfrentando muita dificuldade pagando aluguel, agora vamos economizar e nossa perspectiva é melhorar cada vez mais. Nos sentimos abençoados em poder criar nosso filho em um lugar seguro”, afirmou Robson.

Assinatura dos contratos

A secretária da SIMS, Nazaré Farias, ressalta que apenas o titular do imóvel pode realizar a vistoria e reforça que a etapa é uma condição para a assinatura dos contratos de aquisição das unidades. “É fundamental que o beneficiário compareça para conhecer sua futura moradia e verificar se existe necessidade de reparos.  Após a visita, o titular assinará o termo de vistoria, assegurando que o imóvel está em perfeitas condições, e esse documento será necessário para a assinatura de contrato, que ocorrerá nos dias 11, 12 e 13 de julho”, esclarece.

O Conjunto Macapaba é um empreendimento do Programa de Habitação Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, com execução e contrapartida do Governo do Amapá. A previsão é de que a inauguração do conjunto habitacional aconteça no dia 14 de julho.

GALERIA DE FOTOS
GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá