terça, 14 de março de 2017 - 15:23h
Sims deve concluir levantamento de famílias atingidas por enchente nesta quarta
Visitas estão sendo feitas junto à Defesa Civil e prefeitura do município, e podem ser concluídas nesta quarta-feira (15).
Por: Eloisy Santos
Até segunda-feira, mais de 360 famílias atingidas pela enchente já haviam sido identificadas

Assistentes sociais e outros profissionais da Secretaria de Estado da Inclusão e Mobilização Social (Sims) estão atuando junto a profissionais da Prefeitura de Calçoene e da Defesa Civil do Estado, realizando visitas a famílias vítimas da enchente que iniciou na última quinta-feira (9) no município, distante cerca de 374 quilômetros da capital do Estado.

As visitas foram suspensas no domingo (12), por conta da eleição suplementar para prefeito, e retomadas ontem (13). O levantamento tem previsão de encerrar na quarta-feira (15) ou quinta-feira (16), de acordo com a secretária adjunta da Sims, Luzia Grunho.

“Estamos com assistentes sociais, bombeiros da Defesa Civil e Exército prestando assistência aos atingidos pelo sinistro. O nosso trabalho é de levantamento técnico em conjunto com a prefeitura do município, para que possamos ter o quantitativo exato de todas as famílias que foram afetadas pela enchente”, pontuou a gestora.

Ainda segundo Grunho, o Estado só poderá oferecer suporte de materiais para as famílias a partir da finalização do levantamento, por precisar seguir normas e procedimentos legais.

De acordo com o último boletim divulgado pela Defesa Civil, mais de 360 famílias foram vitimadas pela enchente até segunda-feira (13), sendo 250 na área urbana de Calçoene e 110 na área rural, números que podem ser superiores, mediante a continuidade das visitas. Muitos abrigaram-se em casas de parentes e outros permaneceram em suas residências. “Somente na segunda-feira foram visitadas 70 famílias”, contou a secretária adjunta.

Ajuda financeira

De acordo com Luzia Grunho, há previsão de que seja disponibilizado para o município de Calçoene um recurso pactuado na Comissão Intergestora Bipartite (CIB). A comissão é composta por secretários de todos os municípios e estado e o montante poderá ser pago em parcelas mensais.

A Sims já enviou ao município uma relação de documentos que devem ser providenciados e repassados ao Governo, para que possa acessar o recurso. Ainda assim, é necessário resolver uma pendência: “O município precisa primeiro regularizar a sua prestação de contas referente ao ano de 2016. Esse valor pode ser investido em materiais de acordo com as necessidades das famílias afetadas pela enchente”, finalizou.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá