sexta, 03 de setembro de 2021 - 12:10h - 3632
Samaúma das Palavras: Museu Sacaca comemora aniversário do projeto de incentivo à leitura
Programação marca o retorno das visitas escolares à instituição, suspensas por conta da pandemia de covid-19.
Por: Claudio Morais
Foto: Albenir Sousa
Projeto que estimula leitura dos visitantes do museu passou por reformulação em 2019.

O Museu Sacaca celebra nesta sexta-feira, 3, o aniversário do projeto “Samaúma das Palavras”, que incentiva a leitura e promove manifestações artísticas no espaço. 

A tarde literária começa às 15h com contação de histórias e apresentação do conto "a lenda da Samaúma". Serão desenvolvidas, ainda, atividades lúdicas e de incentivo a leitura e, ao final, os parceiros do projeto, que contribuíram para a realização dos últimos dois anos de atividades, serão homenageados. Programação marca o retorno das visitas escolares à instituição, suspensas por conta da pandemia de Covid-19.

Os primeiros esboços de atividades que incentivassem a leitura surgiram em 2014, mas foi em 2019 que o Governo do Amapá investiu na estruturação, tanto do projeto, quanto de um espaço adequado à recepção dos visitantes e que estivesse totalmente integrado ao ambiente. A diretora do Museu Sacaca, Eliane Oliveira, relembra este processo.

“Havia trailer que, há muito tempo, abrigou o projeto, mas que estava parado. Reaproveitamos essa estrutura metálica para ser um abrigo seguro para os livros, ao mesmo tempo que trabalhamos para a recriação de um ambiente acolhedor e harmônico com identidade do Museu Sacaca”, afirmou.

As atividades são coordenadas pelo Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Amapá (Iepa), órgão responsável pelo museu.  O diretor do Iepa, Jorge Souza, e a arte-educadora Silvânia Souza, participaram da idealização do novo espaço. Ela conta que os materiais utilizados na estrutura são os mesmos utilizados para compor os ambientes tradicionais do museu, para comporem uma identidade única. 

"Foi um trabalho de reestruturação completa mesmo. Aqui utilizamos palha de buçu para a cobertura, os assoalhos são de madeira de lei reaproveitada e as paredes, de tabocas. Tudo para criar um ambiente tradicional que se comunique com os demais ambientes do museu", explicou.

Programação

O evento irá acolher aproxidamente 40 alunos de uma escola de ensino infantil de Macapá, além dos demais públicos do museu.

 

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá