sábado, 04 de dezembro de 2021 - 22:40h - 4155
Luz Para Viver Melhor: Governo dobra cota de combustível para 29 comunidades ribeirinhas e amplia fornecimento de energia
Medida faz parte da estratégia de atender as localidades eletricamente isoladas para garantir melhor qualidade de vida.
Por: Jamylle Nogueira
Foto: Marcelo Loureiro/Secom
Anúncio aconteceu na comunidade Vila Maranata, localizada na foz do Rio Ajuruxi, em Mazagão.

O governador do Amapá, Waldez Góes, anunciou neste sábado, 4, o aumento de 100% da cota mensal de óleo Diesel para o abastecimento de energia de 29 comunidades ribeirinhas, localizadas na foz do Rio Ajuruxi, em Mazagão. A medida garante a ampliação do tempo de consumo de eletricidade.

Com esta Inciativa, as comunidades de Mazagão passam a receber 10.400 litros, por mês, para o uso de geradores de energia. Elas fazem parte das 148 comunidades atendidas pelo programa Luz para Viver Melhor, que tiveram as cotas de óleo Diesel dobradas pelo Governo do Estado.

“Com esse aumento na cota de combustível iremos trazer muitos benefícios para nossos ribeirinhos que poderão usufruir de mais horas de energia, garantindo assim mais qualidade de vida”, destacou o governador.

Para o agricultor Reginaldo Rodrigues, de 47 anos, que reside na comunidade Rio Mulato, o aumento de horas de energia é um avanço que contribuirá principalmente na questão de conservação dos alimentos.

“Com mais energia temos avanços, e com certeza melhorias para a comunidade, pois agora teremos um tempo maior para manter nossos freezers ligados e assim deixar nossos alimentos mais conservado para consumo”, frisou. 

A modalidade que atende as comunidades com o abastecimento de combustível foi criada dentro do programa em 2005, para alcançar as comunidades eletricamente isoladas e sem nenhuma alternativa de geração de energia. Funciona com uma parceria entre a Secretaria de Inclusão e Mobilização Social (Sims) e a Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA).

“Sabemos que o acesso a energia é um direito de todos e estamos sempre fazendo buscas ativas no Amapá com o intuito de garantir mais qualidade para nossa população que ainda não tem acesso”, disse a secretária da Sims, Albanize Colares. 

Luz pra viver melhor

O programa foi criado em 2003, pelo Governo do Amapá, com investimentos do tesouro estadual de aproximadamente R$ 18 milhões, para atender a famílias em situação de vulnerabilidade social, que não tinham condições de pagar pela energia consumida. Os critérios previam que os beneficiários tivessem renda mensal até 25% do salário mínimo e consumo médio de 140 KW.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá