sexta, 04 de dezembro de 2020 - 21:28h - 1515
PM forma 14 oficiais de saúde que atuaram em atendimentos a militares durante pandemia
Militares já atuam nos serviços de saúde da corporação desde o início do curso. Na manhã desta sexta-feira, 4, aconteceu ainda a formação de outros 228 policiais militares.
Por: Henrique Borges
Foto: Márcio Pinheiro
Militares atuaram no atendimento a agentes de segurança durante a pandemia.

Na noite dessa sexta-feira, 4, o Governo do Estado do Amapá promoveu 14 oficiais da saúde, após a conclusão do estágio de adaptação em serviço, no Centro de Formação e Aperfeiçoamento da Polícia Militar do Amapá (PMAP). Os militares foram convocados para atuação no atendimento dos agentes de segurança pública que estão em serviço na pandemia.

No Palácio do Setentrião aconteceu pela manhã a formação, por ato simbólico, de outros 228 policiais militares, sendo 92 oficiais e 136 praças. Assim cumprindo o calendário de promoções, entre policiais e bombeiros.

Entre honrarias e homenagens aos promovidos da saúde, o comandante geral da PM, Paulo Mathias, afirma que a convocação dos militares veio em bora hora, considerando a situação que o estado passa.

"Eu vejo estes oficiais da saúde como anjos, que através de Deus foram chamados para atuarem durante a pandemia, pelo governador Waldez. E assim, eu vi esses homens e mulheres trabalhando aqui diariamente, como anjos", reforçou. 

Foram, até este momento, 718 militares contaminados pela covid-19, sendo que desses 83 ainda estão em tratamento, havendo o registro de sete óbitos, seis da reserva e um da ativa. O governador do Estado do Amapá, Waldez Góes, ressalta que neste ano de dificuldades o esforço precisa ser redobrado.

"O ano continua sendo desafiador, estamos desde fevereiro enfrentando calamidades. Os militares foram essenciais e continuarão sendo em 2021. O risco de vidas continuarem sendo ceifadas pelo coronavírus ainda é alto e por isso vamos continuar nos empenhando ao máximo", ressaltou o governador. 

Em 2020 os agentes já atuaram à frente da tragédia do naufrágio, pandemia e na falta de fornecimento de energia. Para o novo oficial de saúde da PM, Mário Koga Júnior, a experiência foi difícil, porém gratificante.

“Esse ano foi muito difícil para todos, já entramos na instituição para atender os militares antes mesmo de terminar nossa formação. A palavra é superação, conseguimos passar os momentos difíceis para estar hoje aqui”, disse.

Investimentos e concursos

O governo do Amapá, num grande esforço para dar melhores condições de trabalho aos militares e melhor serviço à população, possui no pacote de Segurança Pública R$ 256 milhões em investimentos em infraestrutura, comunicação, armamentos, viaturas e para a construção de 9 quartéis. E através dos concursos públicos realizados, 579 novos Policiais Militares ingressaram na corporação de polícia. 

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá