quarta, 15 de setembro de 2021 - 11:19h - 2118
Central do Enem: Com aulas presenciais, cresce perspectiva de estudantes por vagas na universidade
São cinco escolas polo na capital com horários de manhã e à tarde. Os aulões também serão retomados.
Por: Fernando Carneiro Pereira
Foto: Fernando Carneiro/Seed
Retorno gradual e seguro seguem os protocolos de biossegurança.

O programa Central do Enem iniciou nesta quarta-feira, 15, com aulas presenciais em cinco escolas polo da capital. O retorno gradual e seguro segue os protocolos de biossegurança. Cada sala de aula conta no máximo cinquenta pessoas seguindo as regras de distanciamento e uso obrigatório de máscara.

A Central do Enem é uma iniciativa do Governo do Amapá, implantada em 2016 na gestão do governador Waldez Góes, e coordenada pela Secretaria de Estado da Educação (Seed).

Confira os horários de funcionamento de cada escola polo clicando aqui.

A Escola Estadual Maria Ivone de Menezes, no bairro Perpétuo Socorro, passou a ser polo da Central do Enem este ano. Para o estudante da 3ª série do ensino médio, Douglas Palmeirim, ter as aulas da Central do Enem próximo da casa dele facilita o processo de aprendizagem.

“Ter essas aulas na escola que eu estudo é muito bom, facilita bastante. Só o fato de não precisar ter que me deslocar para um bairro distante e precisar pegar ônibus já é uma grande vantagem. Agora, espero estudar tranquilamente e obter um bom desempenho na prova”, disse o estudante.

 

Para a professora de artes visuais, Ilaine Leite, a retomada das aulas presenciais é um grande fator de incentivo para os estudantes durante a preparação para o exame.

“É uma grande oportunidade para nossos estudantes se prepararem ainda melhor para o Enem e conquistarem a aprovação no vestibular”, afirmou a professora.

O programa vinha funcionando remotamente desde o início da pandemia do novo coronavírus em março de 2020, com as aulas semanais online e com vídeos disponibilizados no canal da Central do Enem no YouTube.

Segundo a coordenadora do programa, Arnanda Oliveira, os estudantes que não conseguiram vagas nesse primeiro momento, terão a chance de participar de aulões até a véspera do dia da prova.

“A Secretaria de Educação iniciará os aulões itinerantes a partir do mês de outubro para os estudantes que não conseguiram vagas em nossas escolas polo. Quem tiver interesse em participar, precisa ficar atento aos canais oficiais da Seed e do Governo do Estado para não perder as datas”, reforçou Arnanda.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá