sábado, 16 de outubro de 2021 - 14:04h - 1541
Governo do Amapá recebe reforço do Ministério da Saúde para combate ao sarampo e rubéola
Suporte acontece em um momento que o Estado intensifica o enfrentamento ao sarampo; em 2021, já são mais de 470 casos da doença em 13 municípios.
Por: Nathanael Zahlouth .Colaboradores: Marcelo Guido
Foto: Alessandro Veloso
Os técnicos do Ministério estiveram no Laboratório Central.

O Governo do Amapá vem intensificando o enfrentamento ao sarampo por meio de ações como campanhas de imunização de casa em casa. Para reforçar este trabalho, uma equipe do Ministério da Saúde esteve no estado nos dias 14 e 15 de outubro para implementar o Plano de Ação para Fortalecimento da Vigilância Laboratorial do Sarampo e Rubéola, com objetivo de identificar as melhorias necessárias aos setores estratégicos no combate às duas doenças.

O suporte acontece no momento que o Amapá vive um surto de sarampo: em 2020, foram registrados 292 casos da doença; este ano a Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) já confirmou 477 casos em 13 cidades - um crescimento de 60%, com maior incidência em Macapá, Santana, Mazagão e Oiapoque; ao passo que os municípios de Laranjal do Jari, Calçoene e Pracuúba não registraram casos.

Uma das principais ações para o combate ao sarampo é a imunização, neste sentido o Governo do Estado já implementou três edições da varredura vacinal em 2021. Outra etapas importantes são o diagnóstico da doença e a investigação epidemiológica, todas elas são monitoradas pelos técnicos do Ministério da Saúde, eles são responsáveis por apontar novas estratégias, como a realização de um bloqueio vacinal mais amplo ou de reforçar a investigação epidemiológica dos casos.  

"O intuito da visita é trazer a discussão sobre as ações de combate para perto de outras áreas importantes da saúde pública, como a imunização e vigilância", manifestou Eduardo Alves, integrante do Grupo de Vigilância Laboratorial do Ministério da Saúde.

Para que o surto de sarampo no Amapá seja interrompido é necessário, segundo os critérios do Ministério da Saúde, que, durante 12 semanas, não se registre nenhum caso da doença. 

 

Confira o quadro de casos confirmados por municípios:



Município 

Casos Confirmados 

Amapá

01

Cutias

02

Ferreira Gomes 

02

Itaubal 

07

Macapá

378

Mazagão 

21

Oiapoque 

18

Porto Grande

06

Pedra Branca

03

Santana 

32

Serra do Navio 

01

Tartarugualzinho 

05

Vitória do Jarí

01

Total

477



 

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá