quinta, 30 de setembro de 2021 - 17:12h - 1223
Captação de recursos para o setor de inovação amapaense é tema de encontro entre Governo, Suframa e academia
Foram apresentadas linhas de financiamentos, incentivos fiscais e leis que beneficiam empreendimentos inovadores no setor.
Por: Rafael Aleixo
Foto: Rafael Aleixo
Evento faz parte do projeto Missão Arara.

O Governo do Estado realizou nesta quinta-feira, 30, um encontro em que representantes da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) apresentaram uma cartilha para captação de emendas para o setor, além de outras ações de fomento ao desenvolvimento sustentável na região como investimentos na área de bens de informática e Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I).

A Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia do Amapá (Setec) apoiou o evento com suporte técnico e logístico. Participaram do encontro gestores do setor científico e tecnológico do Amapá.

A visita técnica da Suframa ao Amapá faz parte do projeto Missão Arara, como explica o superintendente adjunto de planejamento e desenvolvimento regional da superintendência, Manoel Amaral.

“Estamos no Amapá apresentando ferramentas para o impulsionamento do desenvolvimento regional, como o fomento à pesquisas, tecnologias e inovações no modelo Zona Franca. Essas ferramentas possuem a capacidade de agregar valor à produtos, matérias-primas regionais, contribuindo com o desenvolvimento socioeconômico local”, explicou o superintendente adjunto.

O secretário da Setec, Rafael Pontes, destacou a importância do encontro.

“Reunimos hoje todo o setor de ciência e tecnologia do estado e empresas de base tecnológica, para discutirmos projetos que possam promover o desenvolvimento do Amapá. Todo esse trabalho, a partir da conexão entre governo, academia, empesas e industrias para trazer soluções através da inovação para a sociedade”, explicou Rafael Pontes.

O modelo Zona Franca de Manaus abriga um Polo de Desenvolvimento Científico Tecnológico com mais de 60 empresas. Existem ainda 45 instituições de ciência e tecnologia em locais diversos da Amazônia e o Amapá também integra essa rede.

As atividades de PD&I podem ser realizadas também por meio de 5 Programas Prioritários: Economia Digital, Formação em RH, Empreendedorismo Inovador, Indústria 4.0 e Bioeconomia.

Há ainda oportunidades para startups nos mais diversos segmentos, projetos na área de modernização e indústria 4.0, projetos de sustentabilidade, incubadoras e aceleradoras, estendidas a toda Amazônia Ocidental e Amapá.

Em breve, uma cartilha com todas as oportunidades será lançada de forma conjunta para apresentar as linhas de investimentos e captações disponíveis. A Suframa informou ainda que uma nova agenda de encontros ocorrerá no Amapá até o mês de novembro.

Suframa

É uma autarquia vinculada ao Ministério da Economia que administra a Zona Franca de Manaus e as isenções tributárias das áreas dos estados de Rondônia, Roraima, Acre e Amapá.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá